fbpx
Definição equivocada do fornecedor de registros no sistema

Os maiores erros cometidos no Siscoserv: Definição equivocada do fornecedor de registros no sistema – Post 2 de 9

Neste segundo vídeo da série, vamos tratar sobre outra decisão das empresas que pode gerar riscos: a definição equivocada do fornecedor de registros no SISCOSERV.

Seja muito bem-vindo a este conteúdo exclusivo, onde vamos esclarecer sobre os maiores erros cometidos no SISCOSERV, e,  como atribuir, a cada um, a solução mais segura e correta.

Ao cuidar do SISCOSERV, as empresas tem a opção de realizar seus registros internamente, ou terceirizar esse serviço.

Ocorre que algumas empresas, que oferecem a terceirização dos registros, não tem a capacidade de identificar todas as operações da empresa, que são sujeitas ao registro no SISCOSERV.

Isso porque alguns fornecedores são especialistas em áreas restritas de atuação das empresas.

A maioria dos fornecedores de terceirização dos registros do SISCOSERV são empresas já prestadoras de serviço do Comércio Exterior, que agregaram esse serviço em seu portfólio, tais como:

  • Agentes de Carga
  • Despachantes Aduaneiros
  • Corretoras de Câmbio
  • Escritórios de Advocacia
  • Escritórios de Contabilidade
  • Consultores em Logística e Comércio Exterior

Veja que cada uma dessas empresas é especialista somente no seu ramo essencial ou “core business”.

Entretanto, o SISCOSERV é algo muito mais amplo e complexo que processos isolados de frete, câmbio ou desembaraço.

Mesmo porque, o manual do SISCOSERV deixa claro que a obrigatoriedade de registro independe da forma de pagamento, sendo ele via câmbio ou não.

Demonstraremos, nesta série, a importância da conscientização dos diretores das empresas, a respeito do alcance e relevância do SISCOSERV em diversas áreas e operações das empresas – não podendo, portanto, ser visto por um só prisma, seja ele qual for.

Definição equivocada do fornecedor de registros no SISCOSERV

Como já dissemos, no vídeo anterior, que um dos erros comuns no SISCOSERV é atribuir sua responsabilidade para áreas isoladas das empresas.

O raciocínio, no caso, é muito semelhante.

Terceirizar todos os registros para um fornecedor especializado em uma só área é igualmente temerário, já que este fornecedor pode não estar habituado a uma série de outras situações que geram a obrigatoriedade de registros.

Aqui, temos como exemplos:

  • Viagens internacionais de diretores e colaboradores;
  • Participação de feiras de negócio no Exterior;
  • Contratação e uso de software, aplicativos, armazenamento em nuvem, etc…;
  • Aquisição e fruição de patentes, licenças e royalties;
  • Operações financeiras no Exterior, inclusive inter-company;
  • Dentre outros…

Nestas condições, um fornecedor com especialização restrita em frete ou câmbio, por exemplo, e sem visão sistêmica de todas as operações da empresa, pode igualmente desprezar cenários em que há clara obrigatoriedade de registros, prestando os serviços de forma parcial ou equivocada, e, portanto, gerando riscos de penalidades.

Por outro lado, fornecedores muito especializados em outras áreas não dispõem de ferramentas e soluções completas, tais como:

  • ferramentas de gestão e relatórios gerenciais;
  • fluxos de informação;
  • roteiros de conformidade documental;
  • dentre outros…

Portanto, novamente, as empresas correm o risco de desprezar registros, ou efetuá-los com erros e omissões, no SISCOSERV.

Nossa solução

Para evitar esse cenário, as empresas devem fazer uma análise prévia das operações da empresa, sempre de forma sistêmica, identificando:

  • quais operações, de cada área, são passíveis de registro;
  • quais são os responsáveis por essas operações;
  • como ocorre o fluxo de informação dessas operações, e;
  • quais os documentos e informações que devem ser obtidas para efetuar os registros.

Clique aqui e saiba mais sobre como a WTM DO BRASIL pode ajudá-lo a efetuar essa análise prévia, sempre através de nossos especialistas.

Oferecemos uma série de 9 vídeos sobre os erros relacionados ao SISCOSERV.

Veja a playlist no YouTube com todos os vídeos da Série.

Menu